MTV Brasil

Ir em baixo

MTV Brasil

Mensagem por Samuel Villágran em Sab Fev 06, 2010 5:54 pm

MTV Brasil é uma rede de televisão brasileira dedicada ao público jovem. É a versão local da MTV original americana. Nasceu no dia 20 de outubro de 1990, dedicada ao entretenimento e à música, e visando atingir um público mais jovem; tem cobertura nacional por antena parabólica, TV a cabo e em TV aberta em algumas capitais e regiões do país, sendo a primeira emissora de TV segmentada no país.A MTV Brasil é resultado de um joint venture entre a MTV Networks, subsidiária da Viacom, e o Grupo Abril. No ar desde 20 de outubro de 1990, é o maior canal de música do Brasil, exibindo sua programação via TV aberta e paga (cabo e satélite).

Primórdios

No início de suas operações, o canal exibia, na maior parte do tempo, videoclipes e programas dedicados à música. Com o passar dos anos estas características foram se alterando e atualmente a emissora exibe uma programação prioritariamente dedicada à cultura e ao comportamento jovem. Esta é a tendência que o canal segue de acordo com a matriz da MTV (MTV Estadunidense) bem como todas as outras subsidiárias ao redor do mundo que, assim como a filial brasileira, são conhecidas por sua irreverência e programação com um estilo diferenciado.

Sede

A sede da MTV ocupa o mesmo prédio da antiga TV Tupi na rua Professor Alfonso Bovero no bairro Sumaré em São Paulo. A TV Tupi foi fechada pelo governo militar e devido a problemas financeiros em 1980.

Logotipo

No início a emissora possuia o logotipo padrão da MTV com borrifos nas cores verde, amarelo e azul. Depois o logotipo foi colocado dentro de uma linha circular verde, o M ficou na cor verde e o fundo e o TV ficaram amarelos. Em 2005, depois que o Grupo Abril adquiriu mais 20% da emissora o logotipo ficou plano sem o 3D e perdeu a legenda Music Television. A emissora não deu qualquer pronunciamento devido a mudança, mas existem especulações que a mudança ocorreu porque deveria haver um diferenciamento da versão brasileira da MTV das outras MTVs do mundo já que essa MTV não pertence a Viacom.

Responsabilidade social

Desde sua criação, a emissora vem se destacando por campanhas de prevenção à AIDS e consumo de drogas. As campanhas a favor do uso de camisinha são veiculadas desde o primeiro ano de transmissão, sempre tratando o assunto de maneira leve, seguindo a linguagem utilizada pela emissora desde o início. Alguns cantores já participaram dessas campanhas como Pitty e Daniela Mercury.

Mudanças na grade

Por suas diversas reformulações, quase sempre anuais, e maior produção de programas sobre comportamento jovem, muitos telespectadores passaram a sentir falta de uma programação basicamente musical na MTV. Em resposta a essas reclamações, a emissora passou a exibir, em março de 2006, programas focados especialmente na exibição de videoclipes e discussões sobre música, onde os telespectadores podiam interagir com a programação através de mensagens de texto e pela
Internet.No entanto, em dezembro de 2006, foi anunciado pelo diretor de programação, Zico Góes, que em 2007, a MTV passaria a exibir videoclipes somente durante a madrugada. Segundo ele, o fácil acesso a conteúdos audiovisuais na Internet (leia-se Youtube e MTV Overdrive), levou o telespectador a não quer esperar para ver um videoclipe na programação. Essa reestruturação culminou na extinção de um dos mais tradicionais programas da casa, o Disk MTV. Atualmente os video-clipes são exibidos exclusivamente no MTV Lab.No dia 3 de março de 2008, a MTV teve seu primeiro relançamento com novas atrações e passou a ter alguns programas focados na música, além de séries da MTV americana e programas de comportamento, e 12 horas de apenas videoclipes.

Projetos especiais

Além de programas sobre música e comportamento, a MTV também produz shows subseqüentemente transformados em CDs e DVDs. São 6 séries: Acústico MTV (sem instrumentos elétricos), MTV Ao Vivo (shows), MTV Apresenta (artistas não tão populares), MTV Especial (pequenos especiais de música), Luau MTV (extinto, mas é reprisado), e Show MTV (shows gringos e brasileiros de curta duração).

Alta definição

A MTV Brasil exibe conteúdo em alta definição. A emissora investiu US$ 15 milhões para a compra de novos equipamentos e produziu o primeiro Video Music Brasil em alta definição em 2007. A MTV e a TV Cultura foram as únicas emissoras que expressaram a possibilidade de aproveitar a multiprogramação, mas o caminho atual aponta para a alta definição na emissora.

Concorrência

A MTV deixou de ser a única emissora destinada a jovens do Brasil e logo ganhou concorrentes, na TV por assinatura, o Multishow e PlayTV, que junto com a TV União concorre com a MTV na TV aberta. O Multishow acabou se tornando o maior concorrente após de adquirir Laguna Beach, The Hills, Newport Harbor e South Park, séries que obrigatoriamente deveriam ser exibidas na MTV. A concorrência entre os canais acentuou a rivalidade entre o Grupo Abril e Organizações Globo.

Rescisão de contrato com SKY

A MTV Brasil rescindiu o contrato com a empresa SKY (TV por assinatura) em janeiro de 2008, pois a Abril Radiodifusão S.A queria que além da MTV, a SKY veiculasse os canais FizTV e o Ideal, porém a SKY recusou-se. Esta tirou do ar a sua transmissão em todo o Brasil em 1º junho de 2008, exceto em São Paulo. Após passar 90 dias, a MTV não chegou a nenhum acordo com a SKY e então em São Paulo o sinal da MTV Brasil foi também retirado do ar.[2] Em substituição a SKY colocou a MTV Hits no lugar da MTV Brasil. Atualmente a SKY foi obrigada a transmitir a MTV para os ex-assinates DirecTV Brasil através de uma determinação do CADE.

Sinal aberto na parabólica

A MTV abriu seu sinal para todas as antenas parabólicas do país (estimadas em até 18 milhões). Apesar de ser uma emissora aberta em algumas capitais, a MTV é tratada como TV paga em boa parte do país. O canal nega que sua eventual distribuição livre tenha a ver com o corte de seu sinal na operadora SKY. Argumenta que a mudança se relaciona ao crescimento da classe C e à demanda de anunciantes, segundo informações do colunista Daniel Castro do jornal Folha de São Paulo.Recentemente a Anatel aprovou a entrada da MTV Brasil na parabólica analógica, sendo assim o Grupo Abril agora já possui autorização para abrir o sinal no satélite Star One C2. E no dia 2 de setembro de 2008, a MTV teve seu sinal liberado para todo o Brasil via parabólica analógica. A freqüência é 1140 mHz, Banda L, 4010, Banda C, na polarização Horizontal.


Logo da emissora

Fonte:Wikipedia
avatar
Samuel Villágran
Admin

Mensagens : 110
Pontos : 192
Reputação : 0
Data de inscrição : 05/02/2010
Idade : 21
Localização : Goiânia

Ver perfil do usuário http://tvenostalgia.forumaqui.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum